Sonegação do FGTS cresce nos 9 meses do ano, diz Ministério do Trabalho


Ministério do Trabalho anunciou o recolhimento de R$ 4,1 bilhões durante fiscalizações feitas nos três primeiros trimestres - 19% maior em relação a 2017 e 53% ante 2016.

O Ministério do Trabalho anunciou o recolhimento de R$ 4,1 bilhões durante fiscalizações feitas nos três primeiros trimestres contra a sonegação do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por parte das empresas, ou seja, dinheiro que não foi pago aos trabalhadores. O resultado é 19% maior na comparação com o mesmo período de 2017 e 53% superior aos primeiros nove meses de 2016. As autuações foram realizadas pela Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT).

No 1º semestre, o Ministério do Trabalho anunciou o recolhimento de R$ 2,4 bilhões durante fiscalizações.

O FGTS deve ser depositado pelo empregador até o dia 7 de cada mês em conta bancária vinculada, o equivalente a 8% da remuneração do trabalhador. Para os contratos de trabalho de aprendizes, o percentual é de 2%. No caso de trabalhador doméstico, o recolhimento é correspondente a 11,2% - 8% a título de depósito mensal e 3,2% de antecipação do recolhimento rescisório.

Segundo o auditor-fiscal do Trabalho Jefferson de Morais Toledo, a SIT está realizando esforços para a modernização dos sistemas informatizados de fiscalização e capacitação dos auditores, e isso se refletiu positivamente nos resultados.

O auditor-fiscal esclarece ainda que, com o advento do eSocial, a SIT está preparando alterações em seus sistemas de fiscalização, para que seja possível a realização de um acompanhamento ainda mais efetivo dos débitos do FGTS.

As fiscalizações centralizadas na SIT responderam pela maior parte do montante de notificações e recolhimentos, com R$ 1,408 bilhão. Em seguida, vêm as superintendências dos estados de São Paulo, com R$ 674,5 milhões, e do Rio de Janeiro, com R$ 381,1 milhões de débitos.

Confira na integra a reportagem completa no site do G1

Fonte:

https://g1.globo.com/economia/noticia/2018/11/08/sonegacao-do-fgts-cresce-nos-9-meses-do-ano-diz-ministerio-do-trabalho.ghtml


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Nenhum tag.
Siga-nos
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Procurar por tags

ENTRE EM CONTATO COM SEU SINDICATO

(11) 3101-6052 

sintradete@sintradete.com.br

Atendimento

Seg a Sex das 8:00h às 12h
e das 13h às 17:00h

 

R. Silveira Martins, 53 - Sé, São Paulo - SP

Em caso de Denúncia sua identidade será preservada
  • Facebook
  • Google+

Visitas

©2020 SINTRADETE. Todos os direitos reservados.